iFolha - Turismo não pode ser culpado pelo abandono dos bairros pelo prefeito

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 18 de Setembro de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 18/09/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA


Olimpia, 22 de Dezembro, 2019 - 17:21
Turismo não pode ser culpado pelo abandono dos bairros pelo prefeito

“Existem aqueles que sonham e guardam para si. Existem os que imaginam o futuro, planejam, mas têm medo do que os outros possam pensar. E existem aqueles que ousam acreditar em suas reflexões e as expõem e tentam transformá-las em realidade. Estes inscrevem seu nome na história”.
Mestre Baba Zen Aranes.

 

EMBORA ...
... a grita geral nas redes sociais mostrem o descontentamento com o que dizem ser o abandono do atual prefeito às classes menos favorecidas, aos bairros de classes econômicas não muito abastadas e tenha feito sua opção por se dedicar ao turismo, isso não quer dizer que os próprios manifestantes entendam que a culpa seja deste setor que é hoje o garantidor de até 60% dos postos de trabalho da cidade, direta e indiretamente.


CLARO, ...
... que também não se pode fechar os olhos para os que trabalham no comércio em geral e até em outras atividades, pois os turistas além de deixar em média R$ 1 mil por pessoa e esse dinheiro circular aqui, os que trabalham direta e indiretamente nos negócios gerados pelo turismo, consomem e sustentam o comércio e o serviço prestado por milhares de profissionais.

TRADUZINDO ...
... em miúdos, se não fosse a ideia do visionário Benito Benatti, há décadas atrás, Olímpia, uma cidade que sempre teve sua economia calcada na agricultura, hoje seria muito, mas muito pior do que está atualmente.

E O CARA ERA ...
... visionário mesmo. Hoje, este colunista, que ouviu vários dos seus sonhos durante todo este tempo, quando vê, em reuniões, se falar de centros de convenções, necessidade de aeroporto e tudo o que hoje está sendo tratado como necessidade, retorna ao passado e relembra o pensamento dele, mas, de há mais de 10 anos atrás.

O NOSSO ...
... prefeito sem pasta estava 10 anos na frente de qualquer outro, por isso é e sempre será chamado de visionário. Mas, quando se referia à terra que o acolheu, também manifestava com orgulho que um dia deixaríamos de ser uma pequena cidade agrícola e passaríamos a ser uma cidade média, por causa dos seus sonhos que em sua mente eram a mais pura realidade.

POIS BEM, ...
... hoje esta realidade está prestes a acontecer e de forma autônoma. Levada pelo trabalho do prefeito sem pasta e não pelo poder público. E poderia ser mais autônoma ainda se tivéssemos aproveitado a onda e planejado o futuro. E tínhamos até condições de facilidade para fazê-lo. Era só pegar o que estava na mente de Benito Benatti e estabelecer um caminho mais fácil.

E NÃO ADIANTA ...
... ninguém querer embarcar nos louros do sucesso. Pois seus próprios amigos não acreditavam totalmente em seus sonhos. Acreditavam mais na sua capacidade de tocador de obras, de empresário e muito pouco na sua capacidade de fazer hoje para colher no futuro, ou seja, de sonhar, de planejar o imaginado.

POR EXEMPLO, ...
... quando ninguém acreditava que Olímpia precisava ter um parque hoteleiro, ele foi atrás de investidores. Não foram os políticos. Foi o prefeito sem pasta. 99% dos grandes investimentos existentes hoje no município têm a sua marca. Foram por ele planejados, mas não colocados no papel, apenas pularam da sua mente para a realidade. Por isso é o mito.

HOJE, COM ...
... tantos investimentos, precisa de novas atrações para atrair cada vez mais gente. E aí também não entram os políticos. Pois a autossustentabilidade se dá em razão de a própria iniciativa privada se mobilizar para aproveitar a veia ‘negocial’ aberta por ele.

E O PRÓPRIO ...
... Thermas que já tem terreno que poderá abrigar um outro parque e dezenas de projetos de atrações engendradas por ele e seu fiel escudeiro, o arquiteto Jorge Noronha, para preencher esse espaço e, quem sabe, transformar o parque local no maior do mundo.

CLARO, ...
... ele também previa a necessidade, na fase atual, de ter políticos com ligação local e mais técnicos, que pudessem entrar em ação, quando chegasse a fase atual de gigantismo e que fosse necessária a intervenção política para evitar a estagnação.

E ATÉ NISSO ...
... ele acertou. Pois, caminhando lado a lado e lutando agora, para que Olímpia dê o grande salto e deixe de ser a cidade pequena e passe a ser uma cidade média baseada no turismo, alem de empresários que aqui aportaram e mesmo, outros tantos olimpienses que conseguiram enxergar e embarcar no sonho do mito, não há como negar que o atual prefeito é um técnico que está tendo um papel fundamental nesse sentido e que seu antecessor, hoje deputado federal, está caminhando junto e se transformou num tentáculo para que mais essa fase do sonho seja viabilizada.

E ESTE ...
... jornalista teve esta confirmação numa das últimas reuniões do Conselho Deliberativo do Thermas, nas quais estavam presentes empresários, pessoas representativas da sociedade, além do prefeito e do deputado.

NESTA REUNIÃO ...
... foram anunciados vários projetos para que Olímpia supere esta fase de transição. Por exemplo, foi anunciado um Centro de Convenções que terá investimento de mais de R$ 15 milhões; foi falado da necessidade de um aeroporto que já teria planejamento pronto e que estaria sendo trabalhada a sua implantação; e foi anunciada a extensão da Avenida Benatti até a rodovia Assis Chateaubriand, com assertiva do deputado que esta via deverá ser privatizada, duplicada, e este trevo incluído nas obras.

José Salamargo – com alegria, constatando que o sonho de Benito está se materializando. Mas relembrando uma conversa com o mito há mais de dez anos, onde a maioria do que foi apontado na reunião já era imaginado por ele. É como se estivesse assistindo um filme cujos cenários tenham sido atualizados, mas que teria sido criado num passado distante, de mais de uma década.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
18 de Setembro, 2020
Prefeito publica decreto determinando a suspensão de aulas presenciais na rede pública até o fim do ano e regulamenta a volta do mototáxi foram os temas do Cidade em Destaque de sexta-feira, 18. - 70
17 de Setembro, 2020
Após seis dias sem óbitos, Olímpia registra mais dois e chega a 50 mortes na 4.ª feira - 451
17 de Setembro, 2020
Cidade em Destaque de quinta-feira, 17, divulga em primeira mão que Thermas abre no dia 1.º de outubro e a volta dos mototáxis. - 131
17 de Setembro, 2020
Thermas confirma a reabertura do Parque Aquático em 1º de outubro - 295
16 de Setembro, 2020
Com mais 25 positivos na quarta Olímpia mantém a média de casos - 105


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       








Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites