iFolha - Sorria; Médico chinês

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 10 de Abril de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 08/04/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 03 de Fevereiro, 2020 - 16:33
Sorria; Médico chinês

Médico chinês

Um médico chinês não consegue encontrar um emprego em hospitais no Brasil, então ele abre uma clínica e coloca uma placa com os dizeres: "Tenha tratamento por R$ 20. Se não ficar curado, devolvo R$ 100".

Um advogado vê a placa, pensa que é uma grande oportunidade de ganhar R$ 100 e entra na clínica.
Advogado: — Eu perdi o meu sentido do paladar.

Chinês: — Enfermeira, traga o remédio da caixinha 22 e pingue 3 gotas na boca do paciente.
Advogado: — Credo, isso é querosene!
Chinês: — Parabéns, o seu paladar foi restaurado. Me dê R$ 20.

O advogado irritado volta depois de alguns dias para recuperar o seu dinheiro.

Advogado: — Eu perdi minha memória não me lembro de nada.
Chinês: — Enfermeira, traga o remédio da caixinha 22 e pingue 3 gotas na boca do paciente.
Advogado: — Mas aquilo é o querosene de novo. Você me deu isso da última vez para restaurar o meu paladar.
Chinês: — Parabéns, você recuperou sua memória. Me dê R$ 20.
O advogado já fumegante paga o chinês, e volta uma semana mais tarde determinado a ganhar os R$ 100.
Advogado: — Minha visão está muito fraca e eu não consigo ver nada.
Chinês: — Bem, eu não tenho nenhum remédio para isso, sendo assim tome este R$ 100.
Advogado: — Mas isso aqui é uma nota de R$ 20!
Chinês: — Parabéns, sua visão foi restaurada. Me dê R$ 20.

 

De mal com a sogra

O psicólogo recebe o novo paciente. Após o sujeito se acomodar no divã, ele começa a consulta.

— Bem, imagino que o seu problema deve ser grave, pois o senhor estava bastante agitado ao telefone.

— Sabe, doutor, a minha sogra é uma peste! Outro dia, perdi a paciência com ela, e tivemos uma baita briga. Aí, a minha sogra disse que ficaria um mês sem olhar na minha cara ou falar comigo.

— Sim, entendo. A relação com a sogra nem sempre é fácil, mesmo. Mas fique tranquilo, não vejo essa situação como um problema psicológico...

— É, sim, doutor! Na última semana comecei a sentir uma terrível depressão. Porque hoje vai fazer um mês que brigamos!

 

Compra do bilhete

O caipira vai a uma estação ferroviária para comprar um bilhete.

— Tarde.

— Boa tarde, em que posso ajuda-lo?

— Quero uma passagem para o Esbuí.

Estranhando o pedido, o atendente diz:

— Desculpe, não entendi, o senhor pode repetir?

— Quero uma passagem para o Esbuí!

— Perdão, mas ainda não escutei...

— Para o Esbuí!

— Bom, senhor, sinto muito, mas não temos passagem para o Esbuí.

Aborrecido, o caipira afasta-se do guichê, aproxima-se do amigo, que o aguarda, e lamenta:

— Olha, Esbuí, o homem falou que para você não tem passagem, não!

 

Nota falsa

Certo dia, um homem chega ao trabalho, mal cumprimenta os outros e começa a se queixar com o colega ao lado:

— Onde nós estamos? Onde é que esse mundo vai parar? Não pode mais confiar em ninguém em lugar nenhum!

— Nossa! O que foi que aconteceu, cara? Está revoltado por quê? Vai me dizer que foi assaltado?

— Não, mas eu fui enganado! Imagina só que hoje de manhã me passaram uma nota falsa de R$ 100!

— Você jura, cara? Nossa! Mas era assim tão parecida com a original? Deixa eu dar uma olhada. Pega a nota aí para eu ver!

— Ficou maluco? A nota não está mais comigo! Já passei para frente!

 

Está é velha...

O sujeito pede um uísque duplo.

— Que é isso? — o barman pergunta — Brigou de novo com a mulher?

— É! Foi terrível. E desta vez ela terminou no chão, de quatro!

— Ué! — estranha o barman.

— Quer dizer que as coisas mudaram, hein? E o que foi que ela falou?

— Ela falou: Saia já de baixo dessa cama, seu safado!


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
08 de Abril, 2020
Saúde recebe mais dois resultados negativos descartando o covid-19 - 92
07 de Abril, 2020
TV Tem dá a entender que nova flexibilização de Cunha feriu o decreto do governo estadual - 637
07 de Abril, 2020
Saúde implanta drive-thru para vacinar idosos contra a gripe - 164
07 de Abril, 2020
Geninho reclama na internet ter sido vítima de Fake News - 214
07 de Abril, 2020
População vai em massa para as ruas com nova flexibilização da quarentena - 281


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       












Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites