iFolha - Pais reclamam falta de funcionários nas escolas municipais

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 21 de Fevereiro de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 18/02/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 09 de Fevereiro, 2020 - 18:46
Pais reclamam falta de funcionários nas escolas municipais

CAOS NA EDUCAÇÃO?       “Tem creches e várias outras escolas sem professores, um descaso”.

Tem escola que professores estão fazendo a limpeza das salas.

Uma postagem de um pai de aluno da rede municipal de ensino, Shamir Barakat, trouxe à tona uma situação que pode significar total falta de planejamento do atual governo neste início do ano letivo que poderia estar prenunciando que o caos também será instalado na educação. Mesmo com concurso público realizado e a contratação de anunciados 100 novos funcionários, a reclamação é a de que está faltando professores e funcionários de limpeza nas escolas públicas municipais.

O pai de aluno afirmou em sua postagem que estava agradecido pelo esforço que tem sido demonstrado por professores e funcionários para com as crianças. “Início das aulas, um filho de 6 anos que estuda no Theodomiro da Silva Melo, 2º ano e não tem professor para a sala dele, e com isso a direção e os professores estão se virando para que os alunos não fiquem sem aula”.

E continuou: “um filho de 4 anos que estuda no Eugênio Zacarelli, Jardim 1, também não tem professor e ali é ainda pior por que onde temos apenas crianças pequenas, além de não ter professor(a) também não tem pessoal da Limpeza. As professoras estão tendo que fazer a limpeza da sala de aula. E os demais funcionários ajudam os mesmos. Aí eu pergunto, até quando?”.  Yara Ribeiro Moreira: “fiquei horrorizada qdo soube disso. Não ter limpeza numa escola infantil”.

“PROBLEMAS COM DIPLOMAS EM SUSPEIÇÃO”

Ao que se informa, estaria acontecendo, pelo menos quanto aos professores o problema de diplomas que teriam sido cancelados por estimativa, ou seja, de todas as instituições que possam ser suspeitas e não verificado um a um junto ao Ministério da Educação. Mas a situação não se justificaria quanto a falta de funcionários de outras áreas que não estão com diplomas sob suspeita.

Erica Costa: “Realmente eles precisam fazer alguma coisa pra essa situação, está preocupante!”

Helena Souza Pereira: “Ai meu Deus! Não tem o que explicar! Tudo tinha que ter sido planejado. Este problema com diplomas de professores já vem rolando desde o ano passado. Por favor né... não venham querer justificar o injustificável. E não vou ficar com mi mi mi. Estou dando minha opinião e pronto. INCOMPETÊNCIA!”.

Crisanna Luiza Bini: “Minha filha estuda no Theodoro da Silva Melo também, porém tem creches e várias outras escolas sem professores, acho um descaso”.

Humberto José Martinez: “Professor não tem mas carnaval vai ter, que vergonha”. Elen Lopes Andrade: “Ai tem q entender né... Foram só dois meses de férias”.

Marcia Elisa Martinez: “E para piorar a situação este ano tem um monte de professores das cidades vizinhas que vieram para cá prestar a prova e a maioria pega as melhores salas ficam uma semana ou mais e são chamados em suas cidades ou por não compensar ficar viajando abandonam. Está é a realidade”.

“PROFESSORES DE CARREIRA FORA DA REDE”

Sandra Longhi: “Não é só isso não. Tempo de serviço do prof que foi tirado, uma enxurrada de certificados falsos... e por aí vai. Professores de carreira de 25, 20, 30 anos de magistério fora da rede porque foi tirado nosso tempo de serviço. Uma enxurrada de diplomas falsos de professoras recém formadas e sem experiência nenhuma. Taí a resposta”.

Mel Baiochi: “Muito difícil para nós Pais de alunos e mais ainda pra nossas crianças em fase de alfabetização! A cada dia um nome diferente de professora. Esse prefeito nunca mais!”

Joao Batista Baraldi Baraldi: “Faltando planejamento, de novo”.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
18 de Fevereiro, 2020
Mais um médico - 98
18 de Fevereiro, 2020
Mexa os músculos sem hora marcada - 87
18 de Fevereiro, 2020
Mariana Fagundes lança “Tá Melhor que Antes” - 80
18 de Fevereiro, 2020
Bit Boys - Uma História Sobre Estar Certo na Hora Errada - 91
17 de Fevereiro, 2020
Batata Assada com Casca Crocante - 111


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       














Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites