iFolha - Nova presidente de ONG também acredita que canil é campo de concentração animal

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 18 de Setembro de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 18/09/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA


Olimpia, 19 de Janeiro, 2020 - 17:23
Nova presidente de ONG também acredita que canil é campo de concentração animal

ASSISTA A ÍNTEGRA DO PROGRAMA ABAIXO.



ANIMAIS EM RISCO?        Assumiu lugar do vereador José das Pedras. Estatuto prevê não participação de políticos.

“Nós já pegamos cachorro que lá não ia ser tratado porque não tinha condição. Nós já pegamos diversos animais, eu tenho os protocolos comigo”.

A nova presidente da ONG (organização não governamental) SOS A­nimais de Olímpia, Apa­re­­cida Pama, participou esta semana do programa “Cidade em Destaque”, que é transmitido pela Rádio Cidade, pelo Facebook e pe­lo Youtu­be, quando, além de a­nun­ciar que é a nova presidente da entidade e pedir o apoio de toda a sociedade para o trabalho que é prestado, também confirmou que também vê o novo canil cons­truí­do pe­la prefeitura como um verdadeiro campo de concentração animal.

Cidinha disse que assumiu a presidência no lugar do vereador José das Pedras, em virtude de uma clá­usula do estatuto da entidade ser explícito quanto a não participação de políticos na organização.

Cidinha assumiu a presidência da SOS Animais no dia 10 de dezembro último. A diretoria continua praticamente a mesma, mas com ela como presidente e a colaboradora Is­vanilda como tesoureira.

VIVEMOS DE PROMOÇÕES QUE FAZEMOS E A AJUDA DAS VOLUNTÁRIAS

Ela contou que hoje a ONG não tem ajuda do po­der público mesmo atendendo centenas de animais. “Vivemos em busca de ajuda e contamos com alguns voluntários que nos ajudam. Nós fazemos brechós, vendemos pizzas e outras promoções para angariar o dinheiro ne­cessário e temos a doação dessas pessoas, mas ainda é muito pouco para o que nós fazemos. Mas acho que nós vamos conseguir. Essa diretoria tem ideias novas, pessoas novas, então eu acho que nós temos tudo para sairmos vitoriosos e os animais ganharem com tudo isso”, declarou. 

Sobre o futuro ela explicou que irão divulgar todo o trabalho e prestar contas de tudo que for arrecadado. “A população vai saber para onde está indo o dinheiro que a gente arrecada”.

E continuou: “Já me perguntaram “o que a SOS vai fazer se tem um canil municipal?”.  Gente, é muito serviço. Nós já resgatamos cachorro de lá para cuidar na SOS, porque era ca­chor­ro velhinho, não comia aquela ração que eles dão lá. Nós já pegamos cachorro que lá não ia ser tratado porque não tinha condição. Nós já pegamos diversos animais, eu tenho os protocolos comigo. Já recebi cachorro na minha casa também que chega com verme até não sei aonde e que depois de um mês me mandaram o remédio de verme. A gente já tinha comprado, o cachorro está lá com verme e a gente não vai esperar”, explica dando a entender que o canil não é a salvação. E conclui: “Eu acho que tudo que vem para somar é bom, desde que seja bem feito”.

TEM QUE PROTOCOLAR PARA VER LÁ DENTRO

E aí ela começa a falar so­bre as falhas que vê no atual canil. Entre elas estão o tratamento frio, com os animais praticamente presos nas abas e sem nem direito a se movimentar. Num verdadeiro campo e concentração animal (igual aos tempos do nazismo).

“Eu nunca pensei que fosse viver para ver o que vejo. Tipo ter que protocolar a visita em canil, protocolar a visita para adoção. Eu sinto aquilo lá como se fosse uma savana, que vou entrar no meio de um mon­te de leão. Na verdade, quando você não tem o que esconder, mostra. Qual é o problema? Aí vem com aquela balela que o conselho fala que não sei o quê. Eu sempre fui uma defensora desse projeto, inclusive falei para o prefeito que eu estava muito orgulhosa e hoje eu vejo que se não está igual, está pior. Sabe por quê? No canil anterior, a gente ia lá na hora que queria, entrava lá nas baias, via os cachorros e nunca ninguém foi mordido”, declarou.

E complementou: “Até hoje os cachorros não fazem passeios. Em um futuro não tão distante, esses cachorros estarão atrofiados porque não andam. Vão ficar aqueles cachorros tetraplégicos e nós vamos fazer o que com aquilo?”, pergunta.

TIVE QUE BERRAR FEITO LOUCA PARA PEGAR UM CACHORRO

A nova presidente da SOS afirmou ainda: “Os a­nimais debilitados ficam ao Deus dará e quando a gente tem conhecimento, a gente vai lá e tira. E fazemos um protocolo bonitinho e temos que esperar. O último que adotei, berrei naquele portão feito louca, e entrei lá espu­man­­do pelas ventas, porque não tinha ninguém na guarita, eles lá no ar condicionado e eu gritando para pegar o cachorro até que depois veio uma moça, que foi lá e abriu. Assim, eles olham como se estivessem fazendo um grande favor para gente”, afirmou. 

Concluindo, Cidinha con­clama a população pa­ra este sábado, 18, com­prar pizza, das 10 às 13 horas, a R$ 22 reais, com três sabores: mussarela, presunto e queijo, calabre­sa. Encomendar pelo Fa­ce­book da SOS Animais ou entrar em contato com a Cidinha pelo telefone 9 9603-4634. As pizzas serão feitas na Cruzada Espírita, próximo ao Café Madre.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
18 de Setembro, 2020
Prefeito publica decreto determinando a suspensão de aulas presenciais na rede pública até o fim do ano e regulamenta a volta do mototáxi foram os temas do Cidade em Destaque de sexta-feira, 18. - 50
17 de Setembro, 2020
Após seis dias sem óbitos, Olímpia registra mais dois e chega a 50 mortes na 4.ª feira - 426
17 de Setembro, 2020
Cidade em Destaque de quinta-feira, 17, divulga em primeira mão que Thermas abre no dia 1.º de outubro e a volta dos mototáxis. - 125
17 de Setembro, 2020
Thermas confirma a reabertura do Parque Aquático em 1º de outubro - 285
16 de Setembro, 2020
Com mais 25 positivos na quarta Olímpia mantém a média de casos - 103


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       








Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites