iFolha - Internauta reclama de terreno sujo que pertence a família de vereador

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 20 de Outubro de 2019
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 14/10/2019
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 15 de Abril, 2019 - 08:38
Internauta reclama de terreno sujo que pertence a família de vereador

Nesta semana alguns in­ternautas reclamaram em página do Facebook, da e­xistência de um terreno su­jo que pertenceria a família de um vereador. Ao que tudo indica, segundo foi observado durante u­ma pesquisa, esse terreno seria de propriedade de familiares do vereador Flávio Au­gusto Olmos.

“No­tifiquei, avisei, pe­di socorro ninguém a­ten­deu! Criadouro de dengue. Terreno de “autoridade”. E agora estou com dengue, 10 casos em um quarteirão e aí?”, questionou a internauta Maria Do Car­mo Passi.

Em resposta, Mara Lígia Balthazar Silva respondeu: “É isso aí Do Carmo... me­te a boca... estou dentro... falta de respeito com o ser humano...”. Tais Ro­sa contou: “Semana passada foi eu que quase morri, horrível”.

Ana Paula Silva Veber perguntou “Está com dengue mesmo” e Maria Do Carmo Passi respondeu: “Infelizmente sim moro em frente de um criado­uro!”.

Marta Maria Sentinello acrescentou: “Falta de respeito! Povo perdeu a noção do certo. Você acha que precisam espalhar o lixo assim .... gente, tem coleta ... armazene certo que evita esse caos ... amiga eu tive isso 2 vezes e não desejo à ninguém”.

Marilda Cassiolatto Neri postou: “A dengue é a sujeira acumulada. Falta de civilização, acham que terreno vazio é lixão. Moro no meio de dois ter­renos vazios agora es­tá limpo não posso reclamar, mas foi muita luta e encrencas porque eles querem os terrenos para despejar seus lixos”.

Danilo Rudian acrescentou: “Aí tinha casa e co­mér­cio, demolido e não levaram os entulhos embora, esses terrenos são do Nenê Olmos”.

Maria Do Carmo Passi explicou: “Sim então es­tá tudo abandonado com entulhos e lixo, aonde era a borracharia tudo quebrado cheio de pneus velhos e um monte de criadou­ros”.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
14 de Outubro, 2019
Tudo pronto - 631
14 de Outubro, 2019
Os cuidados durante a gravidez - 734
14 de Outubro, 2019
A Dona Do Pedaço – Vol. 2 – Trilha Sonora é lançado - 721
14 de Outubro, 2019
O documentário Hilda Hilst Pede Contato já está disponível - 716
14 de Outubro, 2019
Pão Integral de Aveia - 605


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       
















Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites