iFolha - Empresário diz que MP fez perícia nas escolas e deu prazo para prefeitura realizar melhorias

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 02 de Junho de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 02/06/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 12 de Janeiro, 2020 - 21:59
Empresário diz que MP fez perícia nas escolas e deu prazo para prefeitura realizar melhorias

DENÚNCIA EM 2018!     Gazetta diz que vereadores apresentavam relação de outros serviços que haviam sido feitos.

“Foram constatadas várias irregularidades como falta de acessibilidade, rachaduras; falta de segurança, iluminação ventilação; falta de banheiros ou mal conservados, entre outros”.

Uma representação pro­tocolada no Ministério Público local por um empresário descontente com a si­tuação da manutenção das escolas municipais da cidade em 2018, após u­ma perícia em inquérito civil com mais de 800 páginas resultou num acordo com a prefeitura que já es­tá realizando compra de ares condicionados e deverá cumprir um acordo para a melhoria destas instituições de ensino.

Reginaldo Gazetta (fo­to) contou que recentemente foi até o MP local e tomou ciência de que na investigação aberta a partir de sua denúncia foi da­do início a uma perícia em 2019 nas escolas da cidade, cujo resultado estampado no processo que tem mais de 800 páginas. “Foram constatadas várias irregularidades como falta de acessibilidade, rachaduras; falta de segurança, iluminação ventilação; falta de banheiros ou mal conservados, entre outros. Isso mostra que a denúncia tinha fundamento”, ressaltou.

AGORA VAI ACONTECER

O empresário informou ainda que o Ministério Público deu um prazo para Prefeitura fazer seu crono­grama financeiro e executar as melhorias necessárias. “A gente sabe que não vai sair no tempo que a gente gostaria, por causa dos valores e por precisar de licitação, mas vai acontecer”.

Gazetta contou que começou a questionar a Secretaria da Educação sobre manutenção, conservação, climatização das salas de aula, segurança, entre outros, em 2017. “Procurei a ajuda de vereadores, mandei vários ofícios para a Secretaria, para o prefeito, mas as respostas eram sempre vagas. A última res­posta que eu tive questionando a climatização da­va conta de que em março de 2018 começaria a licitação e não começou.

Então, diante disso, eu protocolei a denúncia no Ministério Público mostrando que as escolas careciam de manutenção em coisas básicas como lâmpadas, higiene, material de limpeza, além de segurança, bem-estar e temperatura nas salas de aula”, disse.

NA CÂMARA NINGUÉM DEU BOLA

E continuou: “Em julho de 2019, fui até a Câmara apresentar essa mesma denúncia na esperança de que os vereadores pudessem auxiliar cobrando o governo. Mas, ao contrário, cada vez que eu reclamava aparecia um vereador defendendo o governo, falando que teve não sei quanto de investimento, falando que fez isso, fez aquilo. Eu cheguei até ter o vereador Hélio que me trouxe uma lista, que não me deixou ficar com uma cópia dela, não sei por qual motivo, dizendo que a escola tal foi trocada a lâmpada, a escola tal foi desentupida a privada e a questão não era essa”.

Reginaldo continua contando que fizeram um a­baixo-assinado com mais de 100 assinaturas de pais mostrando que a insatisfação é geral, principalmente com relação ao calor. O governo, ele começou a trabalhar com relação a isso agora no final de 2019, quando realmente abriu a licitação para compra de ar condicionado”.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
02 de Junho, 2020
Covid-19 ataca mais um e Olímpia vai a 57 casos confirmados - 41
02 de Junho, 2020
Morte de empresário com covid-19, polêmica de seu enterro e a soltura da boiada da flexibilização foram os temas comentados no Cidade em Destaque de terça-feira, 02.06. - 48
02 de Junho, 2020
Enterro de empresário Joseph Rossi seguiu as normas do município e do Ministério da Saúde - 744
02 de Junho, 2020
Empresário é a terceira vítima fatal do Covid-19 em Olímpia - 1959
01 de Junho, 2020
Bares e restaurantes e o comércio abertos foram o tema principal do Cidade em Destaque de segunda-feira, 01.06.2020. - 145


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       








Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites