iFolha - Cidadão usa tribuna da Câmara para reclamar da falta de manutenção em escolas municipais

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 15 de Outubro de 2019
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 14/10/2019
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 07 de Julho, 2019 - 17:38
Cidadão usa tribuna da Câmara para reclamar da falta de manutenção em escolas municipais

O cidadão Reginaldo Ga­zet­ta (foto) utilizou a Tribuna Livre da Câmara Municipal da Estância Turística de O­límpia, após o encerramento do expediente da sessão ordinária realizada na noite de segunda-feira desta semana, dia 1.º, pa­ra cobrar dos vereadores uma fiscalização nos serviços de manutenção das escolas da rede municipal de ensino, que entende está deixando a desejar. Na o­casião também comunicou que já noticiou todos os fatos ao Ministério Público local.

“Estou aqui para implorar para a casa, porque des­de 2017 venho questionando nosso governo sobre as manutenções de nos­sas escolas”, afirmou de início na sua manifestação.

Gazetta diz que já pediu por várias vezes as explicações à secretária de Educação, mas que ela sempre responde sem nexo algum. “Ela chegou a me res­ponder, em um requerimento, que em março de 2018 tudo ia iniciar com um contrato que já tinha sido aprovado. Estamos em julho de 2019 e não vi metade das coisas que eu cobrei da secretária até ho­je ser feita”.

De acordo com Gazetta, são escolas com muro caindo, calçadas deteriorando, equipamentos usados, como lâmpadas, de péssima qualidade. “São escolas que não oferecem segurança alguma aos alunos porque seus muros são ba­ixos”. Relatou tam­bém que na entrega de uniformes em uma escola, o prefeito Fernando Cunha viu um muro caindo e nada foi feito.

Segundo ele, a secretária estima em R$ 2,4 milhões os gastos para resolver todos os problemas. “Isso foi o que ela me passou”. Por isso pede aos vereadores que trabalhem para conseguir esse valor.

Contou também que são apenas três escolas, as mais recentes, que não apresentam problemas, como, por exemplo, uma do distrito de Ribeiro dos Santos. Mas o mesmo não ocorre no distrito de Ba­gua­çu, onde a escola é mais antiga.

Em Olímpia, também de acordo com Reginaldo Gazeta, tem o caso da escola Reinaldo Zanin, que está pintada em boa parte, mas esse serviço teria sido realizado com recursos federais e que a secretária divulgou fazendo propaganda do governo municipal. O restante, se­gundo afirma, está pa­ra ser pintado.

Disse também que questionou a secretária sobre instalação de aparelhos de ar condicionado, porque no verão a temperatura se aproxima de 40 grau e os alunos, depois da educação física debaixo de telhas metálicas, têm que vol­tar a salas de aula e enfrentar essa temperatura bastante elevada. “Ela me disse que não usa o ar con­dicionado dela porque ela não gosta”.

Toda essa situação, segundo Reginaldo Gazetta revelou na Tribuna Livre, já foi denunciada ao Ministério Público há quase um ano, mas nada melhorou. Diz ele que viu o prefeito enviar projetos para arrumar verbas para o turismo e que o mesmo po­de ser feito em relação a es­sas escolas.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
14 de Outubro, 2019
Tudo pronto - 103
14 de Outubro, 2019
Os cuidados durante a gravidez - 115
14 de Outubro, 2019
A Dona Do Pedaço – Vol. 2 – Trilha Sonora é lançado - 130
14 de Outubro, 2019
O documentário Hilda Hilst Pede Contato já está disponível - 119
14 de Outubro, 2019
Pão Integral de Aveia - 117


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       














Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites