iFolha - Mais de 40 dias depois BB não sabe quando o atendimento voltará ao normal

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 20 de Setembro de 2018
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 17/09/2018
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Canal da Nicole
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 25 de Junho, 2018 - 00:20
Mais de 40 dias depois BB não sabe quando o atendimento voltará ao normal

Desde que foi invadida por ladrões que furtaram quase um milhão de reais, a agência do Banco do Brasil, de Olímpia, ainda não tem uma definição de quando o atendimento aos clientes voltará ao normal. Por enquanto são aceitos somente depósitos em cheques. Operações em dinheiro ainda não são possíveis por causa da insegurança gerada pela falta do cofre que foi danificado durante a ação dos ladrões.

De acordo com as informações obtidas na quinta-feira desta semana, dia 21, pela reportagem da rádio Cidade FM, no caso do Renda Cidadão, principalmente, programa do governo federal que tem por objetivo atender famílias carentes, para ter acesso os beneficiários têm de se dirigirem a outras cidades ou usar o cartão para pagamento direto.

O fato é que a instituição financeira ainda está aguardando a instalação de um novo cofre que estaria sendo providenciado pela superintendência regional da instituição bancária.

Sem ter onde guardar o dinheiro, a agência não pode normalizar o atendimento ao público. Desde o furto, foi afixado um comunicado em sua porta de entrada orientando os seus clientes que os serviços de movimentação como saques, depósitos e pagamentos de duplicatas teriam que ser realizadas no Banco Postal (correios), ou nas agências do banco de Severínia e Cajobi.

Como se recorda, provavelmente na noite de um sábado, quatro elementos passaram por um corredor de um imóvel da rua Dr. Antônio Olímpio e pelos fundos da instituição bancária, tiveram acesso a um compartimento onde existe uma parede que dá acesso ao cômodo onde ficava o cofre do banco.

Através de buracos numa parede, utilizando furadeiras, makita e britadeira, os assaltantes tiveram acesso ao cofre que teve um buraco aberto por maçarico, de onde tiraram R$ 900 mil e saíram tranquilamente, com o furto sendo descoberto somente na manhã de segunda-feira, 7, quando o gerente da BB entrou no compartimento do cofre.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
17 de Setembro, 2018
Colhendo os frutos - 65
17 de Setembro, 2018
Óculos de sol: mais do que beleza, são uma necessidade! - 57
17 de Setembro, 2018
CD Baile do Nêgo Véio – Alexandre Pires chegou nas lojas - 48
17 de Setembro, 2018
O filme A Morte de Stalin chegou nas locadoras - 53
17 de Setembro, 2018
Patê de Queijo - 55


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       






























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites