iFolha - Empresa de Barretos começa a reformar escolas da rede municipal

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 14 de Agosto de 2018
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 14/08/2018
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Canal da Nicole
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 23 de Março, 2018 - 00:58
Empresa de Barretos começa a reformar escolas da rede municipal

Encom Serviços Urbanos Ltda – ME, de Barretos, começou na quinta-feira, 22, o trabalho de manutenção que visa corrigir, principalmente, falhas na rede elétrica das escolas da rede municipal de ensino, em sua maioria obsoletas e em estado precário.

A empresa venceu a licitação para o fornecimento de materiais, mão de obra e equipamentos para este fim, num investimento de R$ 511.276,51 em recursos do município.

O trabalho tem priorizado as unidades com problemas mais graves como a EMEB Professora Zenaide Rugai Fonseca e a EMEB Joaquim Miguel dos Santos e seguirá, posteriormente para as demais escolas. Vale ressaltar, que as unidades escolares já recebem manutenções pontuais quando solicitadas pela diretoria, respeitando o cronograma de serviços.

Segundo a secretária de Educação, Maristela Meniti, serão realizados cerca de 20 projetos de manutenção nas escolas para melhorar a rede elétrica e evitar novos danos em equipamentos, como ventiladores, por exemplo que têm tido problemas para se manter ativos.

“São unidades construídas há anos e que, com o tempo, sofreram adequações físicas, devido ao aumento da demanda de alunos, e têm sobrecarregado a rede de energia. Já tivemos inúmeros aparelhos queimados e isso traz prejuízo ao município e, principalmente, aos alunos. Por isso, estamos buscando sanar com mais eficiência esses problemas antigos e garantir uma estrutura com mais qualidade”, explica a secretária.

Além da manutenção, a secretaria de Educação está elaborando também, a pedido do prefeito Fernando Cunha, um levantamento para solicitar recursos destinados à compra de aparelhos de ar condicionado e novos ventiladores para todas as escolas da rede municipal. A verba deve ser viabilizada por meio do PAR (Plano de Ações Articuladas), do FNDE – Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.


Comentários - 1
João VSP
Publicado em 26 de Março, 2018

A população vai e deve cobrar sim e tem todo o direito de cobrar mas, essa manutenção não é por causa de reclamação que apareceu nos últimos dias no face. Até porque jamais daria tempo de ter ocorrido uma licitação e já ter uma empresa trabalhando em tão pouco tempo, ou seja, a manutenção já tinha sido pensada pela prefeitura e está ocorrendo agora.Acho que era bom procurar saber a história toda antes de jogar uma notícia dizendo Corrigindo o abandono. Merenda, uniformes, material escolar...nada isso é cobrado, na minha opinião as pessoas não tem ideia do que seria uma escola abandonada.

 
Ultimas Noticias
13 de Agosto, 2018
Faturando - 43
13 de Agosto, 2018
A acupuntura promete melhorar bastante a beleza do corpo e a autoestima - 31
13 de Agosto, 2018
O CD Piano Rock - Glaucio Cristelo – Coletânea chegou nas lojas - 24
13 de Agosto, 2018
O filme A Viagem de Meu Pai chegou nas locadoras - 33
13 de Agosto, 2018
Frango Assado Inteiro Recheado Com Farofa - 41


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       






























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites