iFolha - Monzani defende volta para a praça e mais participação do público integrando as escolas

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 22 de Outubro de 2018
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 22/10/2018
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Canal da Nicole
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 18 de Fevereiro, 2018 - 20:23
Monzani defende volta para a praça e mais participação do público integrando as escolas

O presidente do Bloco Samba Sem Compromisso, Luiz Fernando Mon­zani (foto à esquerda), ao final dos desfiles na terça-feira, 13, defendeu a volta do carnaval para as praças centrais que têm mais espaço e facilitam aquilo que acha mais importante no carnaval que é a participação do público desfilando junto com as escolas.

“Por isso que defende que o Samba Sem não é uma escola, não tem divisão de alas, e sim um bloco carnavalesco, pois sempre pregamos que o carnaval tem que ter a inte­gração da população. Queremos que todo mundo venha sambar com a gente, integrando com a gente”, explicou.

Sobre o desempenho da Samba Sem, ele classifica como ótimo. “Como sempre digo, a gente se esforça pra fazer o melhor. Nós somos um grupo de pessoas que cada um tem sua profissão, cada um se preocupa com seu trabalho ou estuda durante o ano e por gostar muito da cultura, por gostar muito de carnaval, a gente se reúne e tenta fazer o melhor que a gente pode para o carnaval de Olímpia”, afirmou.

E complementa: “Nós somos defensores do carnaval de rua onde as pessoas possam participar. O Samba Sem é uma dessas possibilidades. Não só ficar desfilando. Mas que pessoas participem. Ontem (segunda-feira) saímos com o Bloco do Boi Boiola. Não sei como que foram as outras escolas, mas talvez um bloco maior do que muitas escolas que saíram hoje, ou seja, permitir a espontaneidade, permitir a participação e a gente pensa nisso, a gente gostaria que isso acontecesse no carnaval de Olímpia e umas das coisas que favoreceria isso seria a volta do carnaval da praça”.

No entanto, Monzani, diz ter aprovado o desfile em si. “Desfilar na avenida não tem problema. É que eu acho que o carnaval não se resume ao desfile. Ele faz parte desse carnaval, então se ele agregasse o desfile a um local que fosse mais favorável a juntar pessoas seria melhor, por isso que a gente defende ainda que os carnavais deviam ser feitos na praça”.

Concluindo, o presidente da Samba Sem destaca que já faz 43 anos que a Samba Sem está na rua. “Tem pessoas que está há 43 anos com a gente e um monte de gente nova chegando. Quero agradecer todas as pessoas que puderam colaborar e agradecer também a população de Olímpia que mesmo em um dia desses de chuva (terça-feira) esteve presente aqui”, finalizou.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
22 de Outubro, 2018
Depois da tempestade sempre vem a Bonança! - 103
22 de Outubro, 2018
Gesseiro ateia fogo em colega que fica com 70% do corpo queimado - 75
22 de Outubro, 2018
STJ anula julgamento dos irmãos que mataram Fedato - 173
22 de Outubro, 2018
Rapaz tenta matar avô da ex-namorada no São Francisco - 205
21 de Outubro, 2018
Batida frontal mata mãe e filha de Altair na SP 425 - 190


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       






























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites