iFolha - DAEE indica piscinão para controlar enchentes do Pito Aceso

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 19 de Julho de 2018
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 18/07/2018
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Olímpia FC - TV
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 10 de Dezembro, 2017 - 15:25
DAEE indica piscinão para controlar enchentes do Pito Aceso

Engenheiros e técnicos do DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica), do Estado de São Paulo, estão indicando a construção de um pis­ci­não como forma de controlar as enchentes que cos­tumei­ramente atingem a parte baixa do Jardim São Benedito, bairro da região central conhecido por Pito Aceso. Eles estiveram em Olímpia nos dias 5 e 6 de dezembro.

A visita serviu para analisar projetos e obras para o controle das enchentes no município. A visita dos especialistas foi um pedido do prefeito Fernando Augusto Cunha. Estiveram em Olímpia, Armando Tobias de Aguiar, gerente de Projetos e Pla­nejamento; Mário Naka­shi­ma e Flávio Reis, engenheiros do DAEE.

Os profissionais se reuniram com o secretário de Obras, Engenharia e Infraestrutura, Luís Carlos Benitez Biagi, os diretores João Victor Buzzo (Conservação e Manutenção) e Luís Fer­nando Covello, (Engenharia e Obras), e o Chefe do Setor de Manutenção de Edifícios, Ra­fael Augusto Gezuato. Durante a visita, os representantes também foram recebidos pelo chefe do Poder Executivo.

De acordo com o gerente, Armando Tobias de Aguiar, o objetivo da visita foi atender uma solicitação da Prefeitura Municipal referente ao controle de cheias. “A demanda veio para nós através do escritório regional de São José do Rio Preto. Nós fizemos algumas avaliações no escritório e viemos fazer uma conferência em campo. Verificamos que a Prefeitura já tomou algumas providências corretas, então está muito melhor do que imaginávamos”, disse o gerente.

RESERVATÓRIO DE CONTENÇÃO

A proposta do DAEE, após essa visita, é melhorar ainda mais o sistema de controle de cheia, por meio de um reservatório de contenção, conhecido como ‘piscinão’. “Hoje nós es­tamos fazendo alguns ajustes e levantamentos que foram fornecidos para nós fazermos um dimensio­namento de que seria esse reservatório. O reservatório é dimensionado em função do que nós chamamos de período de retorno, que é recor­rên­cia quando essa chuva pode acontecer, em certo período de tempo. Agora nós vamos aguar­dar a complementação dos levantamentos para definirmos qual seriam as estruturas necessárias para esse reservatório atender melhor ainda o que já foi feito pela Prefeitura. Nós estamos também propondo para a Prefeitura contratar um projeto estrutural. Vamos fornecer teoricamente um projeto já básico e a Prefeitura contrataria um estrutural”, afirmou Armando.

Segundo o secretário de Obras, Luís Biagi, agora a prefeitura irá realizar um estudo Planialtimétrico Cadastral (levantamento topográfico) entre as avenidas Mário Vieira Marcondes, Desembargador Manoel Arruda e Alberto Oberg. “Esse levantamento vai possibilitar o estudo e uma nova proposta de combate às cheias entre essas avenidas. Esse trabalho é a última fase para solução definitiva de inun­dação na região do bairro São Benedito. A obra que foi executada ali no Nakamura é uma fase, mas a solução definitiva passa pelo processo que o DAEE vai desenvolver agora. Entramos na fase de elaboração do projeto e depois temos que correr atrás do recurso”, concluiu o secretário.

“Durante nossa reunião discutimos o controle de cheia do bairro São Benedito e posso adiantar que eles acreditam que um piscinão a montante, acima da Construtora, é a obra que precisamos fazer agora. Pelo o que discutimos, vamos fazer o projeto e vamos solicitar junto a Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos) os recursos para que possamos executar essa obra. E acho que com o aprofundamento da calha do rio, que está assoreada, e esse piscinão, solucionamos quase que 100% os problemas das enchentes”, afirmou o prefeito Fernando Augusto Cunha.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
18 de Julho, 2018
Manifestantes queimam 15 ônibus, 9 veículos e até banheiros químicos - 2120
18 de Julho, 2018
Olimpiense de apenas 21 anos morre em batida de moto em árvore - 1035
18 de Julho, 2018
PM revida rojão disparado por manifestantes com gás lacrimogêneo no Jardim Santa Ifigênia - 722
18 de Julho, 2018
Irmão de “Beiço” diz que eletricista morreu por um motivo “besta” - 749
16 de Julho, 2018
PM de São Paulo mata olimpiense com um tiro no abdome em bar na Av. Aurora Forti Neves - 1086


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       






























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites